A linda hístória deles dois

Em um reino muito distante, a princesa Cheirosinha vagava em seus pensamentos de alfazema. Vagava solitária, sonhando sonhos distantes e adocicados, cheios de flores e sabores docinhos, daqueles que se sente lá no fundo da língua. Um dia tropeçou numa pedrinha. Ops, não! Que estranho. A princesa Cheirosinha olhou pra baixo e viu que aquilo que ela tinha tropeçado não era uma pedrinha. Era um Biscoitinho. Pequeno, repleto de um suculento recheio sabor chocolate com um adicional de pedrinhas que fazem tlic-tlic na boca. A princesa, então, se abaixou. E com muito cuidado, pegou o Biscoitinho do chão. Com carinho o limpou. Tirou a sujeirinha que tinha grudado nele. E olha que ele estava bem sujinho. Também, já tinha ficado ali no chão por anos. Sozinho, deixando de ser o Biscoitinho que era, esperando alguém olhar pra ele. Ai a princesa foi sorridente cuidar dele na cozinha do seu castelo de cristal. Jogou pózinhos das cores marrom, bege e amarelo. O amarelo era mesmo só pra dar um ar mais alegre. O Biscoitinho foi ficando cada vez mais forte. Cada dia que passava, ele via que junto com a princesa Cheirosinha, qualquer problema que acontecesse era apenas algo que serviria pra ele crescer. E ele cresceu. Cresceu bastante! E se tornou o Biscoito. Um Biscoito que cuidava das pessoas ao seu redor, da mesma maneira que a princesa Cheirosinha cuidava dele. Claro que uns cuidados especiais, como beijinhos e abraços encantados, eram só deles dois. Ai sabe o que aconteceu? Biscoito e Cheirosinha decidiram casar. E casaram. Ai o reino dos sonhos impossíveis os fez realidade! E eles viveram felizes... para sempre juntos.

1 comentários:

danipag disse...

É por isso que digo que sonhos impossíveis a gente torna realidade, quando sabe o que quer...eu sei!

Manda meus parabéns para o biscoitinho, hehehe