Tá muito calor!

Pois bem, meus queridos, minha pessoa se encontra na calorosa São Paulo. Algo meio estranho falar que essa cidade é calorosa. Na real me refiro ao calor catastrófico (quem manda ir pra Porto Alegre, virei fresca agora) que tá fazendo aqui e não às pessoas extremamente frias que nunca, jamais, never ever ever ever irão olhar na sua cara se vc se estabanar no chão. No máximo vão sair de perto pq, sei lá, pode ser que vc seja alguém fugindo da polícia e escorregou e ninguém quer que sobre pro seu. Ontem pensei umas três vezes antes de sair de casa, pensei que eu ia derreter. Ah, e antes que me perguntem, vim aqui ver meu namorado e de quebra o Longuinha (Fellipe Francisco, meu irmão). E sigo a vida nesse vai e vem louco, não é mesmo, meus amores?

Certo, isso é um tapete e eu tava fingindo ser uma ovelha. Que boba, não?

Curtam ai embaixo um Quintaninha que passarão e passarinho:

"Quero sempre poder ter um sorriso estampando em meu rosto, mesmo quando a situação não for muito alegre... E que esse meu sorriso consiga transmitir paz para os que estiverem ao meu redor. Quero poder fechar meus olhos e imaginar alguém... E poder ter a absoluta certeza de que esse alguém também pensa em mim quando fecha os olhos, que faço falta quando não estou por perto. Queria ter a certeza de que apesar de minhas renúncias e loucuras, alguém me valoriza pelo que sou, não pelo que tenho... Que me veja como um ser humano completo, que abusa demais dos bons sentimentos que a vida proporciona,que dê valor ao que realmente importa, que é meu sentimento... e não brinque com ele."(Mario Quintana)

2 comentários:

Dani Francisco disse...

Poxa, eu to triste... ngm comenta nada aqui! hehe

Gisele disse...

"São Paulo, a cidade que não dorme."

Com toda certeza ela tem os seus encantos e sempre reserva surpresas àqueles que buscam boas programações: teatro, música...

Mas não é interessante qd observamos o outro lado - o desumano.